Rede Solidária – IFRN/CM

A COVID-19 e o IFRN

A COVID-19 é uma pandemia com graves consequências para o mundo todo. O modo sugerido pela OMS (Organização Mundial de Saúde) para combatê-la é o distanciamento social.

Para atender às orientações da OMS, o IFRN publicou a portaria 530/2020 – RE/IFRN (atualizada pela portaria 547/2020 – RE/IFRN) suspendendo por tempo indeterminado o calendário acadêmico para todos os campi do instituto (exceto o Campus Zona Leste que desenvolve suas atividades na modalidade EaD).

Com as atividades suspensas muitas assistências oferecidas aos alunos dos campi foram prejudicadas ou interrompidas (merenda escolar, refeição, atendimentos psicológicos, etc). Impactando diretamente na vidas de nossos estudantes e suas famílias.

A situação do Campus Ceará-Mirim

O campus Ceará-Mirim atende atualmente a 851 estudantes oriundos de cerca 16 municípios, muitos residentes em distritos localizados na zona rural. Nossos estudantes são em sua maioria de famílias em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

De acordo com o SUAP – Sistema Unificado de Administração Pública, banco de dados utilizado na instituição, 68% dos estudantes pertencem a famílias com renda mensal per capita de até meio salário mínimo, como pode ser visto na figura baixo. Quando analisamos a situação de trabalho do responsável financeiro, 32% são autônomos, exercendo atividades diversas, como agricultores, pescadores, feirantes, entre outras que não lhes garantem nenhuma segurança financeira, porém, sabemos que esse número está subnotificado, pois aproximadamente 14% dos estudantes não informaram o tipo de ocupação dos seus responsáveis.

Distribuição dos alunos de acordo com a renda per capita familiar.

Assim, muitos de nossos estudantes enfrentam diariamente dificuldades no que se refere ao acesso a bens e serviços básicos, como alimentação, muitos realizam uma ou mais refeições na instituição, além da merenda escolar, o que alivia o orçamento familiar.

Entretanto, com a suspensão das atividades escolares, eles têm permanecido em casa, aumentando as despesas, num momento em que suas famílias tiveram quedas significativas ou estão totalmente sem renda.

O que é a Rede Solidária IFRN Campus Ceará-Mirim?

A Rede Solidária IFRN – Campus Ceará-Mirim é uma ação não institucional, voluntária, idealizada e executada por servidores do campus Ceará-Mirim com o objetivo de minimizar o impacto causado pela pandemia COVID-19, o distanciamento social e a consequente suspensão do calendário acadêmico do IFRN.

A ação tem como objetivo propiciar assistência para que as famílias que tiveram sua situação de vulnerabilidade agravada nesse período de isolamento social. Essa assistência será prestada em duas dimensões: social e educacional.

Ações da Dimensão Social

As ações da dimensão social têm como objetivo:

  • propiciar aos alunos e seus familiares orientações sobre como se proteger do covid-19;
  • conversar com os alunos para compreender como o isolamento social modificou as relações familiares e como isso pode ser melhorado;
  • prover atenção às falas e necessidades dos alunos nesse momento de distanciamento social;
  • proporcionar uma assistência básica para os alunos em situação de vulnerabilidade social com o objetivo de minimizar os impactos daqueles que tiveram a renda afetada pelo isolamento;
  • reduzir a distância entre os servidores do campus e os alunos.

Mais informações em breve!